Featured Video

Páginas

quinta-feira, 22 de junho de 2017

Maioria do STF vota por manter regras de delações premiadas


A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal já votou por manter as regras atuais dos acordos de delação premiada. O plenário dá continuidade nesta quinta-feira à análise do pedido que questiona a atribuição do ministro Edson Fachin como relator da delação da JBS e a possibilidade de revisão de pontos do acordo de colaboração firmado pelos executivos da empresa, entre eles Joesley Batista, que acusou o presidente Michel Temer de ser destinatário final de propina e dar aval à compra do silêncio de Eduardo Cunha na cadeia.

Na sessão desta quinta, o ministro Luís Roberto Barroso defendeu a forma como os acordos vêm sendo celebrados até agora. Logo em seguida, foi a vez dos ministros Rosa Weber e Luiz Fux seguirem o mesmo entendimento. Após o intervalo, Dias Toffoli também afirmou que acompanha o voto do relator. Na tarde de ontem, outros dois ministros votaram da mesma forma: o relator, Edson Fachin, e Alexandre de Moraes.

Com informações do jornal O Globo

0 comentários:

Postar um comentário