Featured Video

Páginas

terça-feira, 11 de abril de 2017

Governador lança plano de segurança que vai custar R$ 255 milhões


Visando melhorar cada vez mais a atuação das forças de segurança do Rio Grande do Norte, foi lançado hoje (10), pelo Governo do Estado por meio da Secretaria de Estado de Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), o Plano Estratégico da Segurança do RN (Planesp) para o biênio 2017 a 2020. O investimento será de aproximadamente R$ 255 milhões divididos entre recursos da União e do tesouro estadual.

O plano foi norteado a partir do diagnóstico feito pelo sociólogo José Luiz Ratton, da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e é resultado do projeto Governança Inovadora que tem como meta reduzir os índices de criminalidade e ampliar a sensação de segurança no estado e de uma comissão composta por representantes de órgãos que compõe a segurança pública do estado.

“Esse é um plano plural que atende aos anseios da sociedade no que diz respeito à questão da segurança pública”, enfatizou o titular da Sesed, Caio César Marques Bezerra. O secretário informou, na ocasião, que das 91 iniciativas a serem executadas nos próximos anos, 32 já estão sendo colocadas em prática, entre elas a convocação de PMs da reserva, implantação de um sistema estadual integrado de inteligência, ampliação em 20% da capacidade do Guardião para interceptações telefônicas e concursos público para aumento de efetivo.

As iniciativas contemplam áreas de finanças, pessoas, processos internos e sociedade. Além das já citadas, estão incluídas ações de aperfeiçoamento da aplicação dos recursos, modernização dos órgãos, capacitação, otimização do policiamento ostensivo para atuação preventiva e reativa, fomentar a cidadania, modernizar o atendimento, disponibilizar equipamentos, normatização e padronização da atuação de instituições da Segurança, redução nos índices de criminalidade entre outros.

“Paulatinamente estamos buscando soluções para diminuição dos índices de violência no estado e esse Plano vem para somar forças entre as entidades que fazem a segurança do RN e a sociedade civil”, acrescentou o secretário da Sesed.

Objetivos do Plano
– Reduzir os índices de criminalidade com iniciativas como: fortalecimento da DHPP, programa de redução de homicídios, criação de programas de prevenção da violência voltada à juventude, reformar e qualificar delegacias especializadas no atendimento à mulher, ampliar e fortalecer o programa Ronda cidadã.

– Fomentar a cidadania, a responsabilidade e a participação social, por meio de iniciativas como: ampliar o Programa Ronda Escolar por Batalhão da PM, reestruturar o PROERD Elaborar e implementar o Programa Policial Educador.

– Promover o reconhecimento e o desenvolvimento de competências gerenciais e técnicas com iniciativas como: estabelecer convênios com instituições de ensino visando cursos de formação, capacitação e aperfeiçoamento de policiais civis e militares, peritos oficiais criminais e bombeiros militares; construir o Centro Integrado de Formação dos profissionais de Segurança Pública, criar e implantar uma política de reconhecimento com incentivos e protocolos pelo cumprimento das metas.

Fonte: Governo do RN/DeFato

0 comentários:

Postar um comentário