Featured Video

Páginas

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

“Dia D” da vacinação contra a Raiva acontece neste sábado em Assú


A Secretaria Municipal de Saúde, através do Setor de Combate às Endemias, realiza neste sábado, 28 de novembro, o Dia D da Vacinação contra Raiva. A vacinação neste sábado acontece das 08 às 17 horas, nos seguintes pontos de vacinação:

            - Escola Municipal Janduís;
            - Escola Estadual Marcos Alberto de Sá Leitão (IPE);
            - Centro Educacional Pedro Amorim (CEPA);
            - Complexo Educacional Instituto Padre Ibiapina (IPI);
            - Escola Municipal Luiza de França;
            - Posto de Saúde do Feliz Assú;
            - Posto de Saúde do Bela Vista;
            - Centro Clínico Municipal;
            - Praça Jota Keully.

A raiva é uma doença que passa dos animais ao homem e vice-versa, transmitida por um vírus mortal tanto para o homem como para o animal. Envolve o sistema nervoso central, levando ao óbito após curta evolução.

O público alvo da Campanha de Vacinação são cães e gatos das zonas urbana e rural do município, e a meta é vacinar 90% desta população. A Campanha segue até o dia 16 de janeiro de 2016, mas quanto mais precoce for a vacinação, mais proteção haverá.

Proteja a sua família e o seu animal levando-o para a vacinação neste sábado.

Cuidar da nossa saúde e dos nossos animais é um dever de todos!

ASSECOM - PMA

Breno Lopes colhe informações dobre entrega de unidades habitacionais pelo Município


O vereador e presidente da Câmara Municipal de Assú, Breno Lopes, visitou na manhã desta quinta-feira, 26, a secretaria municipal de Desenvolvimento Social e Habitação, com o objetivo de coletar informações sobre a entrega, por parte da Prefeitura, de unidades residenciais, localizadas no conjunto residencial Maestro Cristóvão Dantas, na comunidade de Baviera – Assú/RN.
Na Secretaria, Breno foi recebido pela secretária adjunta de Habitação, Sra. Ana Cláudio, que repassou ao vereador os motivos pelos quais ainda não se deu a entrega do segundo maior empreendimento imobiliário, publico, do município.

Segundo Ana Cláudia a secretaria está dependendo do Banco do Brasil, instituição responsável pelo financiamento, que tem as soluções, no que tange ao referido assunto, em São Paulo, muito distante do empreendimento, o que retarda sanar pequenas exigências, que por ventura ajam, nas analises dos processos individuais.

Contudo a secretária acredita ser possível promover o sorteio das unidades ainda este ano, se possível antes do Natal, dia 25 de dezembro.


Para Breno Lopes, esse trabalho de acompanhamento e de visitas, faz parte intrínseca das atribuições do mandato de vereador. “É a partir dai que podemos, fiscalizando as ações públicas e ouvindo a população, formular nos pleitos às instâncias executivas, Município, Estado e União, com vistas a melhorar as respostas que o povo precisa”, afirma Breno Lopes.    

Projeto “Saúde nas Comunidades” visita Morada Nova


A Secretaria Municipal de Saúde do Assú realizou na última segunda-feira, 23 de novembro, mais uma edição do projeto Saúde nas Comunidades; desta vez a ação aconteceu na comunidade de Morada Nova. O Projeto, que já visitou diversas localidades do município, tem como objetivo ouvir a população e apresentar as ações e serviços ofertados pela Secretaria de Saúde, formulando um debate centrado no esclarecimento de dúvidas, além da apresentação de demandas e sugestões por parte da população.

Participaram do evento a Secretária de Saúde, Lucianny Guerra, e sua equipe, o presidente da Câmara de Vereadores Breno Lopes, o vereador Heliomar Alves, além do presidente da Associação de Moradores, Neto do Morada Nova, contando com forte participação popular.

Permanecendo no ensejo de melhoria da assistência, a Secretária de Saúde convidou a todos os presentes para a inauguração da Unidade Básica de Saúde (UBS) de Morada Nova, que acontecerá no dia 1º de dezembro, às 15h. Com estrutura ampla e equipamentos novos, a UBS será referência dentro dos parâmetros de melhoria do acesso e da qualidade da Atenção Básica.


SEACOM - PMA

quinta-feira, 26 de novembro de 2015

Tudo é festa em PEDRINO ELETROMÓVEIS, tudo é BLACK FRIDAY


Sexta e sábado dias 27/11 e 28/11, dois dias de muitas promoções, muitos descontos, muitas novidades!!! vai ter descontos em móveis, eletros, colchões, camas box, celulares, estofados, enfim vai ter desconto em tudo, tudo mesmo!!!!

É a BLACK FRIDAY do Pedrinho Eletromóveis-loja Assú!!!!


Descontos de 10, 20, 30 e até 40% de desconto para compras à vista!!!!!

Breno Lopes Hospital Regional de Assú


O vereador e presidente da Câmara Municipal do Assú, Breno Lopes, visitou na manhã desta quinta-feira, 26 de novembro, o Hospital Regional de Assú, Dr. Nelson Inácio dos Santos.
Em contato com o diretor geral da unidade hospitalar, enfermeiro Sr. Kleber Barreto de Melo Segundo, foi informado da atual situação do Hospital, dos os avanços ocorridos no decorrer deste ano de 2015 e do planejamento para 2016.

Em seguida o Sr. Kleber Barreto entregou ao presidente do Legislativo Assuense relatório, demonstrativo e comparativo, dos procedimentos medico/hospitalar realizados no ano de 2015, em relação ao mesmo período de 2014, no qual constam progressos significativos.   
Ainda, acompanhado do diretor regional, Breno Lopes visitou o complexo predial daquela unidade, enfermarias e demais compartimentos, constatando in loco o atual quadro, ainda de muita precariedade, do maior equipamento de saúda em nosso município e região do Vale do Açu, Hospital Regional Nelson Inácio dos Santos.

“Para Breno Lopes é lamentável que um Hospital tão grande e tão importante para a Região, desde sua inauguração nunca tenha funcionado por inteiro, ou mesmo a contento. Fico satisfeito em ver que houve avanços, ainda tímidos, mais ao comparar com o que presenciamos, na área que compete ao Estado, na visita que fizemos em janeiro deste ano, 2015, podemos afirmar que houve melhora na maioria dos serviços, inclusive na parte física da unidade. Nosso objetivo é colaborar para melhoria dos serviços oferecidos a nossa população, assim como a Prefeitura de Assú vem fazendo, colaborando com o Estado, nós, enquanto presidente da Câmara Municipal, reafirmamos nosso proposto de trabalharmos para melhorar cada vez mais o bem-estar de nosso povo”, destacou Breno Lopes.

terça-feira, 24 de novembro de 2015

Equipe assuense conquista três ouros, uma prata e um bronze no campeonato Sul-Americano de Taekwondo


A população assuense recebeu com festa no último sábado, seus grandes heróis atletas de Taekwondo integrantes da seleção brasileira que tiveram uma participação fantástica no campeonato sul-americano realizado em Lima, no Peru. A competição reuniu 12 países. 

Paulo Ricardo, Peterson Endres e Maria Eduarda Alencar, categoria Juvenil Masculino e Feminino, conquistaram medalhas de ouro.

 Também garantiram medalhas para o Brasil Clécia Albano, categoria adulto sub21 e Nívia Barros categoria juvenil que conquistaram medalhas de prata e de bronze, respectivamente.

Além das cinco medalhas conquistadas pelos atletas, o técnico da equipe Assuense Fábio Lourenço ganhou o troféu de Técnico Campeão Sul Americano na Categoria Juvenil Masculino e Feminino.

O troféu de Campeão Sul-americano juvenil esta em Assú, o troféu Campeão na categoria Adulto foi para São Paulo, troféu da Cadete Rio Grande do Sul, estes troféus serão entregues a Confederação Brasileira de Taekwondo durante a Copa do Brasil, que ocorre em João Pessoa, na Paraíba, entre os dias 11 e 13 de dezembro.

A vitoriosa equipe do Taekwondo Escola de Assú com muita garra e determinação vem colecionando títulos, recentemente, no período de menos de dois meses, conquistou nove medalhas internacionais. Foram três ouros, uma prata e um bronze no sul-americano do Peru. Uma prata e dois bronze no Pan-americano do México e uma medalha de prata no open da Argentina, além do troféu de técnico campeão Sul-americano.


SEACOM - PMA

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Leia também www.nelsondantas.com.br


Estamos em fase de teste de nosso novo site: nelsondantas.com.br

terça-feira, 10 de novembro de 2015

Campanha Papai Noel dos Correios é lançada no RN


É tempo de cultivar a solidariedade nas agências dos Correios. Foi lançada na manhã desta terça-feira (10), no auditório da FIERN, a campanha que no ano passado tirou do papel os sonhos de mais de 12 mil crianças potiguares: Papai Noel dos Correios. A cerimônia contou com a participação de crianças de escolas públicas, educadores, instituições parceiras da campanha, gestores e empregados dos Correios, além do próprio Papai Noel.

O evento, dedicado às crianças, contou com apresentações de grupos culturais das escolas estaduais Chico Santeiro (bairro Nordeste), Euripedes Barsa Nulfo (bairro Felipe Camarão) e do Centro Municipal de Educação Infantil Terezinha Linhares (Redinha).

Durante a solenidade, algumas crianças leram para o Papai Noel as suas cartinhas. A aluna Jéssica relatou em sua cartinha que sonha um dia ser professora e, claro, pediu seu presente — um kit de maquiagem ou material escolar.

Além das cartinhas oriundas de escolas públicas, indicadas aos Correios pelas secretarias municipais e Estadual de Educação, a campanha recebe, até o dia 20 de novembro, cartinhas de crianças de todo o Rio Grande do Norte na faixa etária até 10 anos de idade. As cartas deverão ser entregues nas agências dos Correios e encaminhadas para a coordenação da campanha, onde serão lidas e selecionadas de acordo com os critérios sociais do “Papai Noel dos Correios”.

Já há cartas disponíveis para adoção nas agências dos Correios. O período de “apadrinhamento” vai de 10 de novembro a 8 de dezembro, quando se encerra também o prazo para entrega dos presentes nas agências participantes. Os Correios se responsabilizarão pela remessa do presente à escola onde estuda a criança ou à residência. Independente da obtenção do presente solicitado, todas receberão uma carta-resposta do Papai Noel.

Em 2014, mais de 12 mil crianças tiveram suas cartinhas adotadas pela sociedade e receberam presentes diversos, como material escolar, bolas, bonecas, bicicletas, roupas, calçados, e até óculos de grau, cama, tratamentos de saúde e outros bens de primeira necessidade.

As pessoas interessadas podem mobilizar vizinhos, colegas de trabalho, amigos e familiares para colaborarem com o Papai Noel dos Correios, ajudando a tirar os sonhos das crianças do papel. Dúvidas podem ser esclarecidas com a equipe da Assessoria de Comunicação dos Correios no RN, através dos telefones (84) 3220-2472/2405 ou pelo e-mailascom-rn@correios.com.br.

Papai Noel dos Correios

Realizada há 26 anos, a campanha tem como principal objetivo responder às cartas das crianças que escrevem ao Papai Noel e, sempre que possível, atender aos pedidos de presentes daquelas que se encontram em situação de vulnerabilidade social. Nos últimos três anos, em todo o País, foram recebidos 2,9 milhões de cartas destinadas ao Papai Noel dos Correios. Desse total, 1,9 milhão atendia aos critérios da campanha e quase 80% delas foram adotadas, o que equivale a 1,5 milhão de cartas.

Desde 2010, os Correios estabeleceram parcerias com escolas públicas, creches e abrigos que atendem crianças em situação de vulnerabilidade social. A finalidade é vincular a Campanha ao Objetivo de Desenvolvimento do Milênio da Organização das Nações Unidas (ONU), que trata da educação.

Padrinhos
Disseminar o encantamento natalino por meio da campanha só é possível com a ajuda dos mais de 120 mil empregados dos Correios e da sociedade brasileira, que podem participar atuando como padrinhos. Os padrinhos são aqueles que adotam as cartinhas, providenciando os presentes solicitados pelas crianças.

Como funciona
A adoção de cartas da campanha é feita da mesma maneira em todo o Brasil: as cartas enviadas pelas crianças são lidas e selecionadas. Em seguida, são disponibilizadas para adoção em determinadas unidades da empresa. Os Correios não entregam cartas para adoção diretamente à população, em suas residências. As cartas do Papai Noel dos Correios ficam disponíveis apenas nos locais indicados pela empresa, listados no blog da campanha.

Os presentes relativos às cartas adotadas são entregues pelos padrinhos nos pontos divulgados pelos Correios para que posteriormente a entrega seja feita pelos carteiros. Não é permitida a entrega direta do presente e, para assegurar a observância desse critério, o endereço da criança não é informado ao padrinho.

Mais informações oficiais sobre o Papai Noel dos Correios podem ser obtidas no blog da campanha (http://blog.correios.com.br/papainoeldoscorreios), ou pelos telefones 3003 0100 (capitais e regiões metropolitanas) e 0800 725 7282 (demais localidades).

Descrição: marca-clippingAssessoria de Comunicação dos Correios - ASCOM/RN
Telefones: (84) 3220-2405 / 2472

FPM - Federação aponta queda nos repasses


A crise financeira que afeta  as prefeituras do Rio Grande do Norte e pode prejudicar a qualidade dos serviços oferecidos nas cidades deve continuar durante este mês. O repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), correspondente a primeira cota de novembro, será depositado hoje nas contas das prefeituras com mais uma queda. A redução será de 19% do valor do repasse, quando comparado ao registrado no mesmo período do ano anterior.

Durante este ano, o FPM foi inferior ao do ano passado em oitos meses em termos reais. Apenas em março, abril e julho o Fundo foi positivo. Neste mês, a situação preocupa ainda mais os gestores, sobretudo, pela proximidade do final do ano e a obrigatoriedade de pagar o 13º salário. A FEMURN vem orientando às prefeituras a redobrarem a cautela e planejamento financeiro. Em dezembro, pelo menos 50% dos municípios potiguares deverão pagar o décimo terceiro salário, mas atrasar o pagamento da folha do mês, em decorrência do desequilíbrio financeiro. 

“No nosso estado, aproximadamente 95% dos municípios dependem dos recursos do Governo Federal para o sustento financeiro, com as reduções recorrentes fica complicada a situação das prefeituras. As despesas e ajustes anuais sempre aumentam, temos como exemplos o piso do magistério e o salário mínimo, nos quais, os valores têm crescido durante os anos, no entanto as receitas dos municípios não aumentam de acordo com a inflação, isso causa um desequilíbrio. 

Hoje as prefeituras possuem contas com fornecedores atrasadas, pois a prioridade é pagar a folha do funcionalismo em dia”, destacou Francisco José Junior, presidente da FEMURN. Recentemente, o prefeito de Caicó, Roberto Germano, admitiu, que não há como garantir, atualmente, pagamento dos salário de novembro, dezembro  e décimo terceiro. 

Os prefeitos vêm tomando medidas, como a diminuição de cargos comissionados, reduções salariais dos servidores e de si próprios. Os municípios de Assú, Acari, Mossoró, Parnamirim e Lagoa Salgada, por exemplo, cortaram salários de comissionados.

Tribuna do Norte

segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Prefeitura do Assú intensifica trabalho para desativação do Lixão


A prefeitura do Assú há alguns anos vem trabalhando para desativar o local onde são depositados os resíduos sólidos no município, o popular "Lixão", uma das primeiras providências foi, em 2012, integrar a Fundação do Consórcio de Resíduos Sólidos do Vale do Açu. Atualmente 22 municípios fazem parte do consorcio com o objetivo de construir um aterro sanitário. 
Este é um processo demorado, que, depois de vencidas diversas etapas encontra-se na fase final de estudos e de captação de recursos para sua execução através de uma PPP- Parceria Público Privada. Os valores envolvidos são muito elevados, apenas a construção do Aterro Sanitário custa aproximadamente 15 milhões de reais, somando-se a infraestrutura de funcionamento chega a 50 milhões de reais.
Diante dessa realidade, onde não se tem uma previsão exata de quando o consórcio conseguirá concluir este processo, e devido ao fato do "Lixão", que existe há quase 50 anos, não ter condições de continuar recebendo resíduos sólidos, situação agravada com o registro de diversos incêndios ocorridos, parte deles ocorridos por causas naturais e muitos provocados por pessoas,  a Prefeitura do Assú conseguiu autorização do Ministério Público e do IDEMA para construir, provisoriamente na localidade de Sítio Maniçoba, um aterro controlado. Para isso, elaborou um projeto e desapropriou a área que foi destinada a referida construção. Porém, antes, se faz necessário a supressão vegetal (desmatamento) do local onde o mesmo será construído, para isso, no mês de agosto, uma autorização para supressão vegetal foi solicitada ao IDEMA, entretanto, até o momento não foi liberada a autorização.

Hoje (09-11), mais uma vez, um funcionário municipal está na sede do IDEMA em Natal, acompanhando a solicitação, para que a prefeitura do Assú tenha condições de continuar o trabalho e finalmente desativar o "lixão".

Com relação aos incêndios, em todos que aconteceram, logo que tomou conhecimento a prefeitura enviou homens, carros pipa e máquinas para realizar o combate.

SECOM - PMA  

Ex-presidente do BNDES afirma que crise econômica é cíclica


Para o ex-presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico (BNDES) e do Banco Central, Luiz Carlos Mendonça de Barros, para entender o cenário vivido hoje pelo Brasil é preciso desvincular a crise política e econômica. Segundo ele, é preciso acabar com o estigma de que o país vive "a maior crise da história" e que a recuperação e um sonho distante. "É importante percebemos que a crise de agora é diferente das anteriores, pois é cíclica, de excesso de crescimento", avaliou Mendonça em palestra nesta manhã (9), durante a 25ª edição do seminário Motores do Desenvolvimento.Alex Régis
Ex-presidente do BNDES Luiz Carlos Mendonça de Barros falou sobre expectativas para futuro da economia
Ex-presidente do BNDES Luiz Carlos Mendonça de Barros falou sobre expectativas para futuro da economia
Na palestra "Perspectivas do Brasil diante da crise", o economista, formado pela Unicamp, ressaltou que a sinalização de uma mudança na política fiscal do Governo Federal já mostra a adoção de medidas que possibilitem a reconstrução do setor produtivo. A recessão que alcançou o país, segundo Mendonça de Barros, está relacionado ao esgotamento de uma política de crescimento.

"Houve um esgotamento do ciclo de crescimento associado às commodities, ligado à China, e à falta de percepção do governo de plantão de tomar as medidas: subir juros, diminuir o gasto público. Até porque era a melhor forma de se preparar para o ciclo eleitoral de 2014. Ela [presidente Dilma Rousseff] fez o contrário, tentando esticar o ciclo de crescimento, e aí colheu o pior dos mundos: logo depois da eleição, terceirizou o ministério da fazenda. Este ciclo, que deveria ser entendido como uma correção natural, acabou sendo visto como uma crise interminável", apontou o ex-ministro de Comunicações.

Embora não espere uma recuperação imediata em 2016, o economista ressalta que a indústria e o turismo têm boas chances de movimentar o país no próximo ano, com o aumento do dólar. 

O diferencial da atual crise, de acordo com Luiz Mendonça de Barros, é que mesmo com a recuperação econômica, o ciclo político do PT se encerrará. Com o fim do crescimento e os erros na condução da política econômica, o partido não teria mais condições de se manter no governo. Aliado à isso, segundo o economista, o aumento do contingente de brasileiros no mercado de trabalho formal -- 70% da masse trabalho -- dará uma guinada no posicionamento do brasileiro, que deve se tornar mais conservador.

"A crise política é mais o fim de um ciclo de hegemonia política.  Haverá o fim da hegemonia do PT, lastreada em uma política de consumo e estabilidade. Vamos separar um pouco a crise política da econômica. A econômica é corriqueira e você consegue explicar: automóvel caiu 50% porque tinha excesso de crédito, mas daqui a três ou quatro anos vamos ter o mesmo volume de vendas", avalia. "Agora, o fim da hegemonia política me parece uma coisa mais complexa, pois cria um vácuo, até que se crie uma nova hegemonia. E o que parece mais claro é uma aliança entre PMDB e PSDB, criando um novo normativo de comportamento que estará muito mais à direita no que se fala em valores sociais e na forma de olhar o governo", acrescenta.

Mesa redonda

Após a palestra, Luiz Mendonça de Barros participou de uma rodada de debates com a jornalista Eliane Cantanhêde, mediada pelo presidente da Fiern, Amaro Sales. A programação do Motores do Desenvolvimento ainda segue, com palestra dos secretários de planejamento Gustavo Nogueira, do Estado, e Virgínia Ferreira, do Município.

Tribuna do Norte

Gasolina volta a puxar alta da inflação no começo de novembro, mostra FGV


A gasolina voltou a pesar sobre a inflação no início de novembro, segundo dados divulgados nesta segunda-feira (9) pela Fundação Getulio Vargas (FGV). O preço do combustível subiu 4,46%, sendo a maior influência sobre o Índice de Preços ao Consumidor – Semanal (IPC-S), que acelerou para 0,78%.

Na semana anterior, o indicador havia ficado em 0,76%, segundo a FGV. Foi a oitava alta seguida da taxa do IPC-S.

Além da gasolina, pesaram ainda sobre a inflação as altas de 9,73% no etanol, de 1,45% na tarifa de ônibus urbano, de 4,54% no gás de botijão e de 1,01% em plano e seguro de saúde.

Na outra ponta, ficaram menores os preços da cebola (-35,34%), da batata inglesa (-10,84%), do leite longa vida (-1,35%), da manga (-11,76%) e da cenoura (-6,84%).

Despesas
Entre as oito classes de despesa pesquisadas, quatro tiveram elevação em suas taxas de variação. A maior contribuição veio do grupo alimentação, cuja taxa passou de 0,47% para 0,71%.
Também registraram acréscimo em suas taxas de variação os grupos: vestuário (de 0,43% para 0,51%), comunicação (de 0,21% para 0,23%) e saúde e cuidados pessoais (de 0,65% para 0,66%).

Em contrapartida, ficaram menores as taxas de variação dos grupos habitação (de 0,73% para 0,63%), transportes (de 1,92% para 1,82%), despesas diversas (de 0,15% para 0,10%) e educação, leitura e recreação (de 0,28% para 0,25%).

G1.Com

sexta-feira, 6 de novembro de 2015

Correias merecem cuidados e manutenção especial


As "correias" são de fundamental importância para o bom funcionamento do motor do carro. Elas devem ser substituídas a cada 60.000 quilômetros, a fim de manter tudo no "ponto". Ignorar esse procedimento, previsto no Manual do Proprietário que acompanha o veículo, é se candidatar a um prejuízo de alta monta, pois ao se romper, componentes do motor sofrerão danos. Para se ter uma ideia desses custos, eles poderão atingir R$ 2.200,00 ou até mais (carro com motor 1.0).Divulgação
Quando a correia  rompe o motor deixa de funcionar. Jamais tente colocá-lo em movimento.
Quando a correia rompe o motor deixa de funcionar. Jamais tente colocá-lo em movimento.
Os propulsores, em sua grande maioria, são alimentados por duas correias, a saber: a sincronizadora, conhecida como "dentada", que é responsável pelo alinhamento dos movimentos dos pistões com os das válvulas, e a de "acessórios".

Caso a sincronizadora venha a romper, o pistão  pode atingir as válvulas do cabeçote, entortando-as e até mesmo quebrando-as. As consequências são catastróficas para o propulsor do carro, que para de funcionar. Caso isso venha a ocorrer, não tente colocar o veículo em funcionamento, para não aumentar o DANO.

A correia dentada custa em torno de R$ 45,00 (GOL motor 1.0). A retífica desse propulsor, se necessária, chega a custar aproximadamente R$ 2.600,00.

É importante esclarecer, que a troca da correia implica na substituição dos rolamentos tensores da mesma, que mantêm o componente no lugar e com a tensão ideal. Em carros mais simples há tão somente UM "tensor". Outros motores podem ter DOIS "tensores", que custam em torno de R$ 82,00.

Interessante, motores como os RoCam,  da geração anterior do Ford Fiesta, têm correia de "metal" e não a "dentada". Nesse caso, a manutenção preventiva é dispensada, pois a correia acompanha a vida útil do motor do carro. 

Conforme afirmamos na abertura desse texto, a "correia de acessórios" (poly-v), tem preço de aproximadamente R$ 55,00. Ela fica destacada, por fora do bloco do motor e tem a função de acionar os periféricos (alternador e bomba da direção hidráulica). Ao romper, a direção perde a assistência e as falhas elétrica são inevitáveis (superaquecimento do motor, por exemplo). Como explicamos, não acione o motor de partida do carro.

Fique atento às nossas recomendações e evite transtornos e prejuízos. Uma coisa é fundamental: a "correia dentada" é uma das peças mais importantes do motor do automóvel.

Tribuna do Norte

ECOLOGIA: Vem aí o Kia Soul elétrico


Seguindo a aprovação da proposta que "zera" os impostos de importação (IPI) para carros elétricos (que até então era de 35%), a KIA anunciou que venderá, de forma oficial, a versão EV do Soul. A empresa não divulgou, quando e por quanto o modelo chegará ao Brasil. Deverá ser algo em torno dos R$ 100.000,00.Divulgação
O Kia Soul, que tanto sucesso vem fazendo no Brasil, ganha agora, versão elétrica
O Kia Soul, que tanto sucesso vem fazendo no Brasil, ganha agora, versão elétrica
O design do Soul EV mostra todo seu apelo ecológico. Por não necessitar de refrigeração, as grades dianteiras são fechadas, o mesmo acontece com as rodas, com desenho menos convencional. O interior recebe acabamento diferenciado, com revestimentos de tonalidades mais claras a exemplo dos atuais Nissan Leaf e Toyota Prius. Equipamentos mais tecnológicos, como telas em OLED, estão presentes para menor consumo de energia.

Contudo, o apelo do modelo não é visual (que muitos poderão estranhar em um primeiro momento). A grande atração do Soul EV é sua mobilidade 100% por energia elétrica, com emissão zero de poluentes. Segundo a Kia, o modelo pode atingir a velocidade de até 145 km/h com 110 cavalos de potência e o bom torque de 29 kgfm. De 0 a 100 km/h, são gastos 11,2 segundos, enquanto a autonomia média é de 199 quilômetros.

São necessárias 24 horas para uma carga completa da bateria com uma fonte de 120V, tempo que diminui para 5 horas com 240V. Uma carga rápida, que deixa a bateria com 80% de sua capacidade, pode ser feita em 33 minutos. Assim como outros modelos híbridos e elétricos, o Soul EV reaproveita 12% da energia gerada durante as frenagens. Outro ponto interessante, este voltado à segurança dos pedestres, está no alerta sonoro emitido enquanto o veículo trafega em baixas velocidades.

Tribuna do Norte

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

RN terá maior corte proporcional


A proposta de cortar R$ 10 bilhões do principal programa de transferência de renda do Governo Federal pode deixar 571.679  pessoas no Rio Grande do Norte sem o benefício. Seria um corte de quase metade dos beneficiários no Estado, o maior de todo o Brasil em termos percentuais (47,7%). Essa projeção é do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), que já se posicionou contra a redução do orçamento do Bolsa Família proposto pelo deputado federal Ricardo Barros (PP – Paraná).Junior Santos
Aline Ferreira e sua filha fazem parte do programa em Natal
Aline Ferreira e sua filha fazem parte do programa em Natal 
Dos eliminados da lista do programa social, 219 mil pessoas, de 70 mil famílias, cairiam de volta nos braços da extrema pobreza no Rio Grande do Norte. Isso resultaria no crescimento de  19% de famílias extremamente pobres no Estado. A justificativa para o corte, segundo a proposta do deputado, é a necessidade de ajuste fiscal do Governo e as fraudes no programa. “Eu não tenho nenhum problema em cortar o Bolsa Família, porque eu sei que tem fraude", afirmou o deputado, relator do Orçamento Geral de 2016, em conteúdo produzido pela Agência Estado mês passado. A presidente Dilma Rousseff também se posicionou contra a decisão do parlamentar. 

O MDS rebate as acusações de Ricardo Barros e afirma que o percentual de inconformidades no programa é muito pequeno. Na comunidade do Maruim, no bairro das Rocas, em Natal, a tratadora de camarão Aline Ferreira da Silva, de 21 anos, recebeu a notícia com resignação. “Sem esse dinheiro ia ficar mais difícil, né. Eu compro comida, remédio”, disse. 

Além dos R$ 147 que recebe do Bolsa Família, a jovem ganha R$ 150 mensais na produção de filé de camarão. Com seus dois filhos de cinco e um ano de idade, ela mora com mais três famílias numa mesma casa. Por sorte, Aline tem a ajuda dos pais das crianças para as despesas dos filhos. A única boa perspectiva na vida de Aline é ganhar um lar no residencial Maruim no próximo ano. 

Com estrutura familiar semelhante, a dona de casa Francisca Rufino da Silva, de 27 anos, não tem a mesma esperança. Hoje ela foi tentar desbloquear seu cartão do Bolsa Família. Junto com dois filhos,   a dona de casa mora numa casa de cômodo único e um banheiro no conjunto Parque das Dunas. Metade de tudo que ganha em um mês vai para o pagamento do aluguel. A renda de Francisca é composta de R$ 146 do Bolsa Família e mais R$ 150 como babá. “O dinheiro é pra alimentação, para comprar as coisas do colégio dos meninos. Ia ser difícil deixar de receber, porque já é uma boa ajuda”, considera. 

Segundo o Ministério do Desenvolvimento Social, 95.861 crianças e adolescentes entrariam para a condição de extrema pobreza. Atualmente o Rio Grande do Norte tem 1.197.415 beneficiários de todas as idades. No Brasil, as famílias extremamente pobres são aquelas em que a renda por pessoa em uma família não passa de R$ 77. Mas o Bolsa Família concede benefício para famílias com até R$ 174 de renda per capita. Segundo o órgão federal, esses números são correspondentes aos estabelecidos pela Organização das Nações Unidas (ONU). Em todo o País, 47 milhões de pessoas são atendidas e pouco mais de 23 milhões deveriam sair do programa de transferência de renda. Os benefícios do programa podem variar de R$ 35 a R$ 306 a depender da composição familiar.  

RN de volta à extrema pobreza
Situação do Estado caso programa tenha corte 

355.332 é o total de famílias em extrema pobreza 
95.861 é o número de crianças e adolescentes (0 a 17 anos) que entrariam na pobreza extrema sem o programa social
70.285 famílias retornariam à extrema pobreza sem o Bolsa Família 
219.865 é o número de pessoas que entrariam na extrema pobreza sem o Bolsa Família 

Tribuna do Norte

CCJ da Câmara aprova PL de Fábio Faria que premia bons motoristas


A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJC) da Câmara dos Deputados, aprovou essa semana relatório que considera constitucionalidade, juridicidade e boa técnica legislativa do PL 6034/2013, do Deputado Fábio Faria. O texto altera o art. 320 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) para estabelecer premiação aos condutores que não cometerem infração de trânsito no período de um ano. O PL tramita apensado ao Projeto de Lei 3920/2008, do Senado Federal, que será analisado agora em Plenário da Câmara.

“Essa é uma proposta de educação para o trânsito. Muitas são as sanções aos maus condutores, com multas, cassação de carteiras, entre outras punições. Nossa proposta é estimular o bom comportamento dos brasileiros ao volante, sorteando valores em dinheiro para aqueles que respeitam as regras e contribuem para a redução de acidentes nas estradas de todo o país”, explica Fábio Faria.

Os acidentes de trânsito são responsáveis pela morte de mais de 40 mil pessoas e por dezenas de milhares de feridos todos os anos no Brasil. Segundo dados do IPEA – Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, os acidentes de trânsito também causam um prejuízo de cerca de R$ 40 bilhões por ano aos cofres públicos no mesmo período.

A ação destinará 50% dos valores transferidos ao Fundo Nacional de Segurança e Educação no Trânsito para sorteio entre os condutores que não cometeram infrações no ano anterior.

---------------------------------------
Estella Dantas.
(84) 98182-5550
(61) 3215-5706

quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Governo adia por 30 dias prazo para pagamento do eSocial


O Palácio do Planalto informou que irá adiar por 30 dias o prazo para pagamento do eSocial - programa que formaliza a contratação de trabalho doméstico e permite o recolhimento unificado de tributos. Nesta quinta-feira, 5, o governo publicará uma medida provisória prorrogando o prazo por não ter sido possível solucionar problemas no sistema para a emissão do Simples Doméstico. O prazo limite fixado inicialmente para realizar o cadastramento no programa de pagamento dos tributos sobre os salários dos empregados domésticos se encerraria na sexta-feira, dia 6. Agora, o novo prazo passou para 6 de dezembro.

A Receita Federal já havia reconhecido que milhares de pessoas em todo o País enfrentavam dificuldades na emissão da guia de pagamento do eSocial e, por conta disso, trabalhava em um "plano de contingência". O Fisco, no entanto, dizia que o prazo não seria alterado. Se não fosse adiado, quem não conseguisse emitir a guia e pagar o tributo poderia ser multado.

Tribuna do Norte

Quase 10% das mortes nas BR’s neste feriadão foram registradas no RN


Das 84 mortes registradas nas rodovias federais pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em todo o Brasil durante a Operação Finados, que começou a zero hora da sexta-feira, 30, e terminou a meia-noite da última segunda-feira, 2, sete delas foram registradas no Rio Grande do Norte.

O número representa 8,33% das mortes registradas neste período pela PRF. Durante o período foram registrados 27 acidentes nas estradas federais do estado. Ainda de acordo com a PRF, foram registradas 20 casos de pessoas feridas.

Em comparação ao feriado de Nossa Senhora Aparecida, o número de acidentes nas estradas do RN foi maior. No período entre 10 e 12 de outubro, 23 acidentes foram registrados.

Apesar de o número de acidentes no final de semana ter sido maior que o do último feriadão, o número de pessoas feridas foi relativamente menor. 26 pessoas se feriram no feriadão de 12 de outubro, já neste final de semana 20 pessoas ficaram feridas.

Já o número de vítimas fatais se manteve igual ao do último feriado prolongado, com sete mortes registradas.

Cerca de 30 equipes extras da PRF atuaram durante o feriado nas principais estradas federais do Rio Grande do Norte. A fiscalização será priorizada nas seguintes rodovias: BR 101 Norte, BR 226 (liga Natal a região Seridó), BR 304 (liga Natal ao Estado do Ceará, passando por Mossoró) e BR 406 (liga Natal a Macau). Todas são rodovias de grande fluxo e de pista simples.

Em todo o Brasil, Foram mais de 45 mil motoristas autuados por excesso de velocidade e quase 25 mil multados por outras irregularidades, como falta de uso do cinto de segurança, dirigir pelo acostamento, embriaguez ao volante e ultrapassagens indevidas.

Veja também:
Segundo os dados da PRF, 104.540 pessoas foram fiscalizadas; 32.198 testes de bafômetro foram realizados; 805 motoristas foram flagrados dirigindo após ingerir bebida alcoólica, dos quais 107, além de autuados, foram presos e encaminhados à delegacia. A Polícia Rodoviária registrou 1.141 ocorrências de acidentes de trânsito: 690 foram graves, com 1.066 pessoas feridas e 84 mortes.

Apesar do aumento do rigor na penalidade para quem faz ultrapassagens irregulares, mais de 4 mil motoristas foram flagrados e autuados cometendo este tipo de infração, número considerado elevado pela PRF.

No ano passado, o Dia de Finados foi um domingo e, portanto, não houve feriado prolongado. Desta forma, a PRF afirmou que não é possível fazer uma comparação direta com os dados de 2014.


Com informações da Agência Brasil/DeFato

Cláudia Regina fica inelegível


O Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) negou, por unanimidade, dez recursos em que a ex-prefeita de Mossoró Cláudia Regina (DEM) e o vice Wellington Filho (PMDB) pediam a reversão da decisão tomada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) que cassou o mandato dos dois. Em todos os processos, as infrações eleitorais são sobre abuso de poder econômico, político, compra de votos e captação de votos, entre outros. Com isso, ela contiuna inelegível.Raul Pereira
Cláudia Regina teve a punição confirmada pelos ministros do TSE
Cláudia Regina teve a punição confirmada pelos ministros do TSE

Os ministros seguiram os votos da relatora, ministra Maria Thereza de Assis Moura, que negou provimento a todos os recursos ajuizados no Tribunal. As acusações contra a ex-prefeita se baseiam em promessas e doações de dinheiro e bens realizadas em favor da campanha eleitoral, apreensão de camisetas padronizadas no dia da eleição, utilização de helicóptero na campanha, utilização de veículos em propaganda, uso da máquina administrativa municipal, doação de bens públicos em período vedado e irregularidades na prestação de contas. 

A ex-prefeita e o vice também foram afastados por gastos irregulares, entre os quais é citado o fato de a ex-governadora Rosalba Ciarlini ter usado o avião do Executivo estadual na campanha de Cláudia Regina. Apenas no último mês de campanha de 2012, a governadora teria desembarcado 56 vezes com o avião do governo em Mossoró. A ex-governadora está livre na inelegibilidade.

Ainda consta da lista de acusações, utilização de recursos materiais e humanos da prefeitura na realização da campanha eleitoral, exoneração de servidores em decorrência de suposto apoio político ao candidato oposto, distribuição de fardamento nas cores da campanha dos candidatos eleitos, superexposição da primeira representada nos meios de comunicação, em especial nos jornais Gazeta do Oeste, Correio da Tarde e Jornal de Fato, utilização de dezenas de carro de som em toda a cidade de Mossoró, inauguração de bem público em evento político eleitoral, doação de bicicletas, cadeira de rodas, camisas, pacotes de cimento, pares de óculos e promessa de doações a instituições de caridade, além de recebimento de doações após o dia das eleições. Em todos os processos, a inelegibilidade é de oito anos. O município de Mossoró é o segundo maior do Rio Grande do Norte, localizado a cerca de 280 quilômetros de Natal.

Na última quinta-feira, o TSE julgou os recursos da ex-governadora Rosalba Ciarlini. A decisão foi favorável à ex-governadora e ela retoma, com isso, à condição de elegibilidade. A situação, que torna a ex-governadora elegível para qualquer pleito, foi colocada em decisão proferida pelo TSE. O pleno do Tribunal Superior Eleitoral retomou o assunto em processos que envolviam condenações do Tribunal Regional Eleitoral contra Rosalba Ciarlini. Em um deles, Rosalba Ciarlini era acusada de abuso de poder político pela perfuração de um poço durante a eleição municipal de Mossoró.

Tribuna do Norte

segunda-feira, 2 de novembro de 2015

PSDC de Assú trocará de mãos


O PSDC – Partido Social Democrata Cristão, deverá mudar de comendo no próximo dia 21 do mês em curso.
Atualmente a sigla em Assú é presidida pelo ex-deputado, um dos herdeiros do clã “Montenegro”, Paulo Montenegro.
Ao que parece quem assumirá os destinos do Partido Social Democrata Cristão na cidade de Assú, será a secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação, Delkiza Alves Cavalcante.

Há pouca mais de quinze dias, mais precisamente no dia 15 de outubro, por ocasião da entrega dos títulos de cidadania assuense, me encontrei com Paulo Montenegro na Câmara Municipal, quando me questionou sobre o PSDC, o que eu sabia, e dizendo não pretender entregar a direção do partido em Assú a ninguém.

Ainda, de acordo com Paulo Montenegro, naquela ocasião, era intenção do partido, na cidade Assú, seguir ao lado do grupo político liderado pelo prefeito Ivan Júnior.

Algo de novo reino da terra dos poetas?  

Cerâmica Assú realizou plantio de 200 árvores nativas do Bioma Caatinga


A Cerâmica Assú realizou, na tarde desta sábado, 31 de outubro, o plantio de cerca de 200 mudas de árvores nativas da caatinga, a maioria medicinal. Dentre mais de 20 espécies foi possível notar mudas de Jurema, Cumaru, Jucá, Ipê, Craibeira, Abacaxi, Pereiro....
O evento, tendo a frente a Cerâmica Assú em parceria com a ACEVALE – Associação dos Ceramistas do Vale do Açu e Apodi, SINDICER/RN – Sindicato dos Ceramistas do Rio Grande do Norte e Associação dos Moradores do PA – projeto de Assentamento Professor Maurício de Oliveira, localizado na zona rural de Assú/RN, teve por objetivo minimizar os efeitos climáticos e reparar parte do passivo ambiental causado pele segmento da Cerâmica Vermelha no Vale do Açu.
Durante o encontro, antecedendo ao ato solene do plantio, foram realizadas palestras sobre a importância daquela experiência e de sua continuidade, sobre o manejo do cultivo e a preservação do Bioma Caatinga, e sobe a função que matas exercem na vida, citando inclusive a Bíblia Sagrada, com destaque para as palestrantes: a agricultora e moradora do Assentamento, Ana Silva; e Expedita Medeiros representando a Igreja Católica.
Ainda se pronunciaram representantes da Comunidade, Railson Baracho, presidente da Associação Comunitária; João Leônidas de Medeiros Júnior e Ana Raquel Medeiros, fundador e diretora da Cerâmica Assú, respectivamente; e o Sr. Antônio Alves Fernandes, presidente de ACEVALE.