Featured Video

Páginas

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Milho está 13% mais caro em Natal, aponta Procon


O Instituto Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon Natal) realizou, na primeira quinzena de junho, pesquisa de preço da mão de milho em supermercados e feiras livres de Natal. Segundo a pesquisa, o reajuste médio no preço foi de 13% em comparação com o mesmo período de 2014.Alex Régis
Preço de 50 espigas é R$ 29,08, em média; Procon afirma que feiras têm melhores preços
Preço de 50 espigas é R$ 29,08, em média; Procon afirma que feiras têm melhores preços


Os dados do Procon apontam para custo médio de R$ 0,57 da espiga de milho nas feiras livres. Já a “mão” de milho (50 espigas) está sendo comercializada por R$ 29,08. Nos supermercados, o produto apresentou preço médio de R$ 1,00 a unidade.

Em 2014, o preço da espiga de milho, nas feiras livres, era vendido por R$ 0,51, enquanto que nos supermercados o produto poderia ser encontrado por R$ 0,67, o que representa a variação média anual do de 13% em relação ao ano passado.

O diretor-geral do Procon Natal, Kleber Fernandes, orienta que os consumidores pesquisem antes de comprar. “O melhor preço da espiga pode ser encontrado nos espaços de vendas livres no valor de R$ 0,43 e o maior valor está sendo comercializado nos supermercados da capital, quando tem o produto”, explicou.

Ao todo, foram pesquisados os preços do milho verde em 10 supermercados, oito feiras e quatro espaços de vendas livres. O material completo da pesquisa está disponível para download aqui.

Conteúdo: Tribuna do Norte

0 comentários:

Postar um comentário